NOY

CASA NOY

RESIDÊNCIA

PARK WAY, BRASÍLIA – DF

 

ÁREA: 296 m²

ANO: 2017

AUTOR: RODRIGO FONSECA

COLABORADORES: JORDANA ALMEIDA

FILIPE CONDE

IMAGENS: EQUIPE RFA

O desnível natural do terreno, com a presença de um talude acentuado junto a entrada do lote e a existência de uma área de proteção ambiental nos fundos do lote nos indicou que a melhor solução seria desenvolvê-la em dois blocos. Os princípios da arquitetura modernista se apresentam nesse projeto de forma ponderada: a planta livre, o terraço jardim, os brises soleil, o pilotis. O uso do concreto foi uma solicitação do cliente que atendemos prontamente, devido a sua pertinência com a proposta. Sinteticamente, a casa tem os planos verticais —  paredes — em alvenaria branca e os planos horizontais — tetos e pisos — em concreto aparente. Esses planos verticais tocam sutilmente a base, muros de contenção laterais, e os rasgos longos destacam os volumes da composição.

O acesso a área social da casa acontece por uma passarela de concreto que parece flutuar em direção à fachada de poucas aberturas. Essa solução buscou tanto proteger a fachada da insolação, quanto preservar a privacidade do cliente. Em contraposição, a fachada oposta se abre por toda a sua extensão em grandes painéis de vidro com vista para a mata e acesso ao terraço jardim sobre o bloco térreo. A integração com este bloco se dá por um conjunto de escada e elevador, uma vez que uma pessoa com mobilidade reduzida habitará o local. O acesso externo a esse nível se dá por uma rampa de veículos que se desenvolve pela lateral da edificação, dando espaço à garagem, coberta pelo volume superior. No bloco inferior estão as áreas íntimas da casa, com vistas e acesso para o grande jardim ao fundo do lote e com a privacidade protegida pelo declive do terreno.